Eletrobras

Meio Ambiente

| ​Portal da Eletrobras > Meio Ambiente​ > ​Ecoeficiência

​Ecoeficiência

Confira os nossos resultados de consumo de água e energia elétrica e de geração de resíduos, monitorados pelo nosso Sistema de Indicadores de Gestão da Sustentabilidade Empresarial (Sistema IGS)​:​


Consumo de água 

​Volume de água utilizada para consumo administrativo (em milhares de m³)​

Fonte 2017
Superficial 3.150,0
Subterrânea 205,8
Rede de abastecimento 565,1
Total 3.920,9

 

Volume de água utilizada para produção termelétrica (em milhares de m³)

Fonte 2017
Superficial 8.604,8
Rede de abastecimento 0,1​
Total 8.604,9​

 

A água utilizada pelas hidrelétricas na geração de energia, uma vez que não é consumida, mas apenas utilizada para movimentar turbinas, não integra o volume total de água consumido. O mesmo vale para a água do mar utilizada pela Eletrobras Eletronuclear (cerca de 3 bilhões de m3 em 2017) como fonte fria do sistema secundário das usinas nucleares Angra 1 e 2, que retorna integralmente ao mar com um pequeno aumento de temperatura – fato monitorado constantemente para atender aos padrões estabelecidos pela legislação ambiental e não afetar a fauna aquática.


Consumo de energia

Consumo de energia elétrica (Gj)​

Atividade 2017
Atividade administrativa 263.728
Geração termelétrica 229.257
Geração hidrelétrica 1.206​
Transmissão 518.633
Distribuição 102.723
Total 1.115.548


Consumo de energia (MWh)​

Consumo-de-Energia-MW.jpg


Em 2017, as empresas Eletrobras consumiram 126.891.875 GJ, sendo 84.390.618 GJ (66,5%) em consumo de energia direta e 42.501.257 GJ (33,5%) em energia indireta.

Geração de resíduos​​

Para 2017, as empresas Eletrobras informaram no Sistema IGS a destinação de 8.004,50 toneladas de resíduos não recicláveis e não reutilizáveis. Foram destinados 921.477,34 toneladas para reutilização, sendo que 921.030,74 toneladas são cinzas produzidas pela geração térmica a carvão que são utilizadas pela indústria cementeira ou na recomposição da cava da mina.


As empresas reportaram no Sistema IGS que 3.257,38 toneladas de resíduos perigosos foram gerados.


Os resíduos sólidos e efluentes são tratados pelas nossas empresas de acordo a legislação vigente.​

 

Fonte: Relatório Anual 2017


 

VEJA TAMBÉM