Eletrobras

Meio Ambiente

| ​Portal da Eletrobras > Meio Ambiente​ > ​​​Ações e Projetos Ambientais

​Ações e Projetos Ambientais

Veja abaixo algumas de nossas ações e projetos ambientais:

Projeto Soltura de Quelônios do Uatumã 

Projeto Soltura de Quelônios do Uatumã  

Desde 1998, a Eletrobras Amazonas GT desenvolve o projeto Soltura de Quelônios do Uatumã com o objetivo de devolver à natureza filhotes de quelônios, contribuindo para a conservação e a proteção das espécies. Em 19 anos de existência, o projeto foi responsável por devolver à natureza 180 mil filhotes de tartaruga.​ O trabalho é desenvolvido com a participação da população de 30 comunidades ribeirinhas nos municípios de São Sebastião do Uatumã, Urucará, Itapiranga e Silves.

Para mais informações, clique aqui

Programa de Monitoramento de Tartarugas Marinhas (Promontar) 

Programa de Monitoramento de Tartarugas Marinhas - Promontar 

O programa foi criado em 2013 com o objetivo de monitorar a ocorrência das tartarugas marinhas na área de influência da usina Angra 3 e tratar dos animais eventualmente encontrados debilitados. Desde então, a Eletrobras Eletronuclear investiu mais de R$ 3 milhões no programa, que em três anos de execução foi responsável pelo resgate de 181 tartarugas nas praias da região.​ No final de 2015, a equipe do Promontar, com a ajuda de moradores locais e de funcionários do Parque Estadual da Ilha Grande, identificou desovas da espécie Caretta caretta (tartaruga-cabeçuda), um fato inédito na Baía da Ilha Grande.

Saiba mais sobre o programa

Projeto de Repovoamento Marinho da Baía da Ilha Grande (Pomar) 

Projeto de Repovoamento Marinho da Baía da Ilha Grande - Pomar     

O projeto foi iniciado em 1994 pela Eletrobras Eletronuclear com o intuito de preservar as vieiras, espécie de molusco nativo da costa brasileira, ameaçada de extinção devido à pesca de arrastão. O projeto desempenha importante papel na formação de maricultores locais, fomentando a geração de emprego e renda em conjugação com o incentivo ao uso racional e sustentável dos recursos. Hoje, o Pomar é referência nacional na produção de vieiras e o único projeto no Brasil que produz esse molusco em escala industrial.

Saiba mais sobre o projeto

​Programa Cultivando Água Boa​ 

Cultivando Água Boa 

Iniciado em 2003, o programa, desenvolvido pela Itaipu em parceria com os 29 municípios da Bacia Hidrográfica do Paraná 3, contempla diversas ações socioambientais relacionadas com a conservação dos recursos naturais e da biodiversidade e com a promoção da qualidade de vida nas comunidades locais. O programa obteve o reconhecimento da ONU como a melhor prática de gestão de recursos hídricos do mundo. A iniciativa conquistou o 1º lugar na categoria “Melhores Práticas em Gestão da Água” na 5ª edição do Prêmio Água para a Vida, em 2015. 

Saiba mais sobre o programa

Furnas Educa

Furnas Educa 

O projeto foi criado em 2012 pela Eletrobras Furnas com o objetivo de conscientizar a população do entorno dos empreendimentos da empresa sobre os impactos socioambientais nessas áreas e a importância de conservar o meio ambiente, bem como estabelecer e estreitar o relacionamento com comunidades locais. Desde a sua criação, o Furnas Educa sensibilizou mais de 200 mil crianças, visitando 790 instituições educacionais e sociais, em 14 estados e no Distrito Federal.

Para mais informações, clique aqui

Programas com Comunidades Indígenas 

Programa Waimiri Atroari 

A Eletrobras Eletronorte desenvolve, em parceria com a Funai, os programas Waimiri Atroari, no Amazonas, e Parakanã, no Pará, além de ações de proteção ambiental na terra indígena São Marcos, em Roraima. Os programas Waimiri Atroari e Parakanã surgiram da necessidade de minimizar e compensar os impactos provocados pelas obras das usinas hidrelétricas Balbina e Tucuruí, respectivamente, na vida dessas comunidades. Esses programas têm como princípio básico o resgate cultural e a melhoria das condições de vida desses povos indígenas por meio de ações nas áreas de saúde, segurança alimentar, educação e infraestrutura.

Saiba mais sobre esses programas​

Programa de Ação Socioambiental (PAS)

Programa de Ação Socioambiental - PAS 

Criado em 2008, é um processo de gestão ambiental compartilhada idealizado pela Eletrobras Chesf e criado junto com as comunidades dos municípios que participam do Complexo Hidrelétrico Paulo Afonso. Visa criar um processo de gestão ambiental nos espaços construídos a partir da introdução dos empreendimentos hidrelétricos, capaz de minimizar e compensar os impactos negativos e otimizar os positivos. A partir de 2016, o programa passou a ser desenvolvido também com as comunidades do entorno da usina hidrelétrica Xingó.​

Para mais informações, clique aqui

 

Projeto Natureza Doce

Projeto Natureza Doce​ 

Desde 2012, a Eletrobras Furnas desenvolve o projeto Natureza Doce no Parque Estadual da Pedra Branca, no Rio de Janeiro, com o objetivo de conservar a fauna nativa do bioma Mata Atlântica, em especial as abelhas nativas silvestres, responsáveis pelo equilíbrio do ecossistema local. Em 2016, foi criada no parque a Trilha do Mel,​ para o desenvolvimento de ações de educação ambiental sobre a conservação da biodiversidade. Além disso, foi inaugurado no parque um novo bromeliário, com mudas de espécies nativas de bromélias e orquídeas doadas pela empresa. O projeto do bromeliário foi todo planejado e executado por equipes de colaboradores voluntários da Eletrobras Furnas.​

Para mais informações, clique aqui 


 

VEJA TAMBÉM

​​​​